Bem vindo ao Site Brasileiros Muçulmanos - Últimos Artigos: Capítulo 32, As-Sajdah (A Prostração) - Capítulo 28, Al-Qasas (As Narrativas) (parte 2 de 2) - Capítulo 28, Al-Qasas (As Narrativas) (parte 1 de 2) - As origens pagãs do Natal - Capítulo 26, Ash-Shu'ara (Os Poetas) - Capítulo 27, An-Naml (As Formigas) - O Conceito de Ummah no Islã - Islã Entra no Extremo Oriente - Os Coranistas (Coranismo) - Capítulo 2, Al-Baqarah (A Vaca) Parte 3 de 5 - Capítulo 2, Al-Baqarah (A Vaca) Parte 2 de 5 - Capítulo 2, Al-Baqarah (A Vaca) Parte 1 de 5 - A oração do Tarawih - Quando a pessoa em jejum deve quebrá-lo? - As coisas que invalidam o jejum -
Este site tem por objetivo divulgar o Islam, seguindo a Ahlus Sunnah wal Jama'a (Seguidores da Sunnah e a Comunidade), o Islam em sua mais pura forma, o Islam que foi ensinado pelo nosso querido Profeta Muhammad (s.a.w.s) e seguido pelos seus Nobres Companheiros (Sahaba).
Artigos: O Alcorão Sagrado
Capítulo 32, As-Sajdah (A Prostração)
http://www.prayerinislam.com/wp-content/uploads/2015/10/What-is-the-ruling-of-making-supplication-while-offering-prayer.jpgO capítulo trinta e dois é chamado A Prostração.  O título vem do versículo quinze, em que os verdadeiros crentes se prostram em adoração.  Este versículo é uma das quinze passagens no Alcorão em que os adoradores devem se curvar, ou prostrar, durante a recitação. leia mais


Capítulo 28, Al-Qasas (As Narrativas) (parte 2 de 2)
https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/f/f7/Sinai_desert.jpgDeus diz ao Profeta Muhammad, que a misericórdia e as bênçãos de Deus estejam sobre ele, que ele não estava presente na montanha quando Ele (Deus) deu a Moisés a lei, nem estava entre o povo de Midiã.  O Profeta Muhammad também não estava quando Deus falou a Moisés no Monte Sinai. leia mais


Capítulo 28, Al-Qasas (As Narrativas) (parte 1 de 2)
https://www1.cbn.com/sites/default/files/styles/video_ratio_16_9/public/img_6531.jpg?itok=ePkQI4zTAs Narrativas é um capítulo de oitenta e oito versículos revelado em Meca.  Ele recebe o seu nome a partir do vigésimo quinto versículo em que a palavra árabe para narrativa é usada.  As Narrativas também é um título adequado porque o capítulo conta uma história detalhada sobre o profeta Moisés. leia mais


Capítulo 26, Ash-Shu'ara (Os Poetas)
https://ministrytoyouth.com/wp-content/uploads/2017/02/youth-group-lessons-on-moses.jpgOs Poetas é o primeiro dos vinte e nove capítulos que começam com uma combinação de letras árabes.  Esta combinação é Ta Sin Mim.   Deus não revelou um significado específico para essas letras; entretanto, eruditos islâmicos sugeriram muitas teorias. leia mais


Capítulo 27, An-Naml (As Formigas)
https://s1.1zoom.me/big0/101/Ants_lolita777_Moss_Pine_cone_526448_1280x912.jpgAs Formigas, um capítulo com noventa e três versículos, foi revelado em Meca.  Começa com uma descrição do Alcorão como uma boa notícia para os crentes e uma severa advertência para os não-crentes.  Em seguida, encontrar várias narrativas curtas relativas aos profetas... leia mais


Os Coranistas (Coranismo)
http://getwallpapers.com/wallpaper/full/b/7/2/1051491-free-download-quran-wallpaper-1920x1200.jpgA palavra coranismo descreve um tipo de Islã em que o Alcorão é aceito como revelação de Deus, mas a Sunnah do Profeta Muhammad, que a misericórdia e as bênçãos de Deus estejam sobre ele, e a coletânea de hadiths são rejeitados. Aqueles que compartilham desta crença são conhecidos como coranistas. leia mais


Capítulo 2, Al-Baqarah (A Vaca) Parte 3 de 5
https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/1/1f/Inside_the_great_mosque_of_Sal%C3%A9.jpgSe vocês (judeus) realmente acreditam que o paraíso é somente para vocês, por que não desejam a morte? Não o farão, porque estão bem conscientes das consequências do seu comportamento.  Deus entende como funciona as mentes dos incrédulos. leia mais


Capítulo 2, Al-Baqarah (A Vaca) Parte 2 de 5
https://i.etsystatic.com/5491011/r/il/92ce20/1694929756/il_794xN.1694929756_bff4.jpgE lembrem-se de quando Deus deu a Moisés a Escritura e a lei de modo que fossem guiados.  E lembrem-se de quando Moisés disse ao seu povo como eles estavam errados quando adoraram o bezerro.  Moisés aconselhou seu povo a matar os culpados entre eles e Deus aceitou seu arrependimento. leia mais


Capítulo 2, Al-Baqarah (A Vaca) Parte 1 de 5
http://www.ilmgate.org/wp-content/uploads/2010/04/Cows.jpgCapítulo dois, contendo 286 versículos, é o mais longo no Alcorão. Foi revelado em Medina e o título, A Vaca, vem da história da vaca discutida nos versículos 67 a 73.  O Profeta Muhammad, que a misericórdia e as bênçãos de Deus estejam sobre ele, disse que tudo tem o seu ápice e o ápice do Alcorão é A Vaca. leia mais


Capítulo 105, Al Fil (O Elefante)

https://images.alphacoders.com/101/thumb-1920-101213.jpgO capítulo 105, intitulado O Elefante, consiste de cinco versículos curtos.  Foi revelado em Meca e os estudiosos deduzem do seu contexto histórico que foi revelado nos primeiros dias da revelação.  Quando o Islã foi apresentado pela primeira vez ao povo de Meca, todos eles eram não-crentes.

leia mais


Capítulo 97, Al-Qadr (A Noite do Poder)

http://www.therevival.co.uk/sites/default/files/08-Ramadan-Kareem-Wallpaper.jpgO capítulo é famoso por sua declaração sobre a Noite do Poder (Laylat al-Qadr), durante a qual o Alcorão foi revelado pela primeira vez.  Acredita-se universalmente que ocorreu durante o mês de Ramadã, como afirmado no Alcorão 2:185. Os muçulmanos afirmam que a Noite do Poder ocorre todos os anos.

leia mais


Capítulo 94, Ash-Sharh (A Abertura)
https://rendering.ru/media/catalog/product/cache/1dc054dad79ef2da273ae03dc370a2cb/i/t/itrees-palms-03.jpgEste é um capítulo curto de oito versículos revelado em Meca; seu título, A Abertura ou Expansão é tirado do primeiro versículo.  Foi revelado logo após o capítulo anterior, As Horas da Manhã, e é uma continuação da tranquilidade e encorajamento dado ao Profeta Muhammad leia mais


Capítulo 96, Al-'Alaq (O coágulo)
https://protecttheword.files.wordpress.com/2013/01/zygote.jpg"Al-ʿAlaq" é um dos primeiros capítulos de Meca.  Os cinco primeiros versículos são considerados pela maioria como os primeiros versículos do Alcorão a serem revelados; os versículos restantes foram revelados mais tarde no período de Meca, quando a oposição à revelação surgiu entre os líderes dos coraixitas. leia mais


Capítulo 104, Al-Humazah (O Difamador)
https://www.vvox.it/wp-content/uploads/2016/08/finger-on-you-responsabilit%C3%A0.jpgO Difamador, nomeado assim por causa da palavra humazah no primeiro versículo, é um dos capítulos curtos no fim do Alcorão.  Muitos desses capítulos lidam extensivamente com o conceito do Inferno. No entanto, embora haja mais dez capítulos a seguir, este é o último que menciona ou descreve os fogos do Inferno. leia mais


Capítulo 87 Versículos 9 - 19: Os afortunados ouvem o aviso
https://www.wallpaperup.com/uploads/wallpapers/2013/10/20/162755/080a7ce81ad9584281c224b1538837c7-700.jpg"Admoesta, pois, porque a admoestação é proveitosa (para o atento)! Ela guiará aquele que é temente. Porém, o desventurado a evitará;  Entrará no fogo maior (o infernal), Onde não morrerá, nem viverá. Bem-aventurado aquele que se purificar, E mencionar o nome do seu Senhor e orar! leia mais
Meu Amor por Jesus
Nasci católico e como tal fui educado na crença de que o catolicismo era a única religião verdadeira. saiba mais
Ouça o Alcorão
Já está disponível em nosso site o "Nobre Alcorão e seus Significados em Português" saiba mais
Leia o Alcorão
Agora além de poder ouvir a bela recitação do Alcorão, você também pode ler o "Nobre Alcorão" saiba mais
Assista como fazer Oração
Saiba como praticar a oração, desde a ablução, até a recitação do alcorão em árabe. saiba mais
Últimos Vídeos
Divulga Islam
Somos um grupo de muçulmanos brasileiros que trabalha com a divulgação do islam na internet saiba mais

site desenvolvido por www.wsdbrasil.com.br Site Brasileiros Muçulmanos © 2009-2019

Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2019 by Nick Jones.
Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3

Os materiais postados neste site não refletem necessariamente as visões do Grupo Divulga Islam, o qual não reivindica responsabilidade sobre os artigos contidos neste site, sendo os mesmos de responsabilidade dos seus escritores.

É necessário utilizar o Firefox para este site
voltar ao topo