Bem vindo ao Site Brasileiros Muçulmanos - Últimos Artigos: Capítulo 30, Ar-Room (Os romanos) - Capítulo 50, Qaaf (A letra Caf) - Capítulo 79, An-Naziat (Os arrebatadores) - Capítulo 72, Al-Jinn (Os gênios) - Capítulo 103, Al-Asr (O Tempo) - Capítulo 110, An-Nasr (A Ajuda) - Capítulo 102, At-Takathur (A cobiça) - Capítulo 98, Al-Bayyinah (A evidência clara) - Capítulo 90, Al-Balad (A Cidade) - Perguntas sobre a Outra Vida - Capítulo 36 , Ya Sin (Ya Sin) - Capítulo 3, Versículos 78-80: Crenças imperfeitas - Capítulo 2, Versículo 177: O versículo da virtude - Capítulo 2, Versículos 165 - 167: O maior pecado e como ser salvo - A Assembleia Diária do Profeta (parte 2 de 2) -
Este site tem por objetivo divulgar o Islam, seguindo a Ahlus Sunnah wal Jama'a (Seguidores da Sunnah e a Comunidade), o Islam em sua mais pura forma, o Islam que foi ensinado pelo nosso querido Profeta Muhammad (s.a.w.s) e seguido pelos seus Nobres Companheiros (Sahaba).
A Oração (Salat)
  Clique aqui para retornar às Categorias de Artigos
Em Nome de Allah, O Clemente, O Misericordioso

A oração é considerada a base fundamental da religião. Disse o profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Allah estejam sobre ele):

"Para o muçulmano cair na heresia e no ateísmo, basta somente que ele deixe de cumprir as orações."

Allah instituiu cinco orações diárias obrigatórias, onde o muçulmano estabelece um elo, uma ligação direta entre ele e Allah, sem a necessidade de intermediários para isto, onde ele expressa a sua gratidão e amor a Allah, fortificando, dessa forma, o coração, o corpo e o espírito.

A oração islâmica é um conjunto perfeito, onde o muçulmano alcança diversos benefícios, na parte espiritual, ele alcança paz de espírito elevando-o, na parte física, ele realiza um exercício diário, através dos seus movimentos, beneficiando com isso o seu corpo e é um estimulo à utilização da sua razão, a partir do momento em que tem que saber o que diz na oração, raciocinando em cima dos versículos que são recitados na oração.

Logo, o muçulmano que pratica as cinco orações diárias está reforçando, cinco vezes ao dia, a crença sobre a qual repousa a sua fé, pois a prática da oração é um dos maiores sinais de fé, e a prova mais óbvia da gratidão a Allah pelas Suas incontáveis graças.

Nesses momentos, o muçulmano é relembrado de que Allah o esta observando e ao seu comportamento diário, assim, ele procurarará afastar-se de tudo aquilo que é ilícito e fazer tudo aquilo que agrada a Allah.

"Recita o que te foi revelado do Livro e observa a oração, porque a oração preserva o (homem) da obscenidade e do ilícito; mas, na verdade, a recordação de Allah é o mais importante. Sabei que Allah está ciente de tudo quanto fazeis." (Alcorão Sagrado 29:45)

"Amparai-vos na perseverança e na oração. Sabei que ela (a oração) é carga pesada, salvo para os humildes, Que sabem que encontrarão o seu Senhor e a Ele retornarão." (Alcorão Sagrado 2:45-46)

Nós devemos ter sempre em mente que Allah não precisa da nossa oração, porque Ele está livre de qualquer necessidade. Nós, pelo contrário, é que precisamos dela pois ela nos traz inúmeros benefícios, como os já vistos, além de vários outros, como o de estar imprimindo a organização, a disciplina, a perseverança e a ordem na nossa vida.

A oração nos treina todas as virtudes que tornam possível o desenvolvimento de uma pessoa feliz, proporcionando-nos equilíbrio e paz interior.

O Islam é uma religião social, por isso, é uma doutrina que agrega e congrega, cria o grupo e a comunidade.

Logo, podemos verificar o estímulo à oração feita em grupo, onde os muçulmanos ficam alinhados em fileiras, simbolizando com isso a igualdade que prevalece entre todos quando estão diante de Allah, não havendo diferenças entre o rico e o pobre, o negro e o branco, nem privilégios do governante para o governado.

Além do mais, faz com que os muçulmanos se reencontrem pelos menos cinco vezes ao dia, fortificando, com isso, os laços de amizade, por exemplo, ao constatarem a ausência de alguém que costuma ser assíduo nessas orações, procuram-no para verificar se está doente ou necessitando de algo.

Embora a oração seja aceita por Allah em qualquer lugar, como nas nossas casas, local de trabalho, etc., Allah nos orientou para que construíssemos as mesquitas para que estas orações em grupos pudessem ser realizadas.

"(Semelhante luz brilha) nos templos (Mesquitas) que Allah tem consentido sejam erigidos, para que neles seja celebrado o Seu nome e neles O Glorifiquem de manhã e à tarde." (Alcorão Sagrado 24:36)

"Sabei que as mesquitas são (as casas) de Allah; não invoqueis, pois, ninguém, juntamente com Deus." (Alcorão Sagrado 72:18)

Disse o profeta Muhammad (que a Paz e a Bênção de Allah estejam sobre ele):

"Para aquele que constantemente vai à mesquita, ou dela volta, Allah prepara uma mansão no Paraíso, tanto na ida como na volta." (Relatado por Bukhári e Muslim).

e disse também:

"Quanto àquele que fizer corretamente a ablução em sua casa, em seguida for a uma das casas de Allah para realizar uma das orações obrigatórias, saiba que, por cada passo que der, ser-lhe-á perdoada uma falta ou ele será elevado em um grau." (Relatado por Muslim).
Hierarquia do Artigo:
Artigos O Islam A Oração (Salat)


Navegação de Artigos:

<< Artigo Anterior || Próximo Artigo >>
Compartilhar esse Artigo:
Url
BBCode
HTML

Meu Amor por Jesus
Nasci católico e como tal fui educado na crença de que o catolicismo era a única religião verdadeira. saiba mais
Ouça o Alcorão
Já está disponível em nosso site o "Nobre Alcorão e seus Significados em Português" saiba mais
Leia o Alcorão
Agora além de poder ouvir a bela recitação do Alcorão, você também pode ler o "Nobre Alcorão" saiba mais
Assista como fazer Oração
Saiba como praticar a oração, desde a ablução, até a recitação do alcorão em árabe. saiba mais
Últimos Vídeos
Divulga Islam
Somos um grupo de muçulmanos brasileiros que trabalha com a divulgação do islam na internet saiba mais

site desenvolvido por www.wsdbrasil.com.br Site Brasileiros Muçulmanos © 2009-2018

Powered by PHP-Fusion copyright © 2002 - 2018 by Nick Jones.
Released as free software without warranties under GNU Affero GPL v3

Os materiais postados neste site não refletem necessariamente as visões do Grupo Divulga Islam, o qual não reivindica responsabilidade sobre os artigos contidos neste site, sendo os mesmos de responsabilidade dos seus escritores.

É necessário utilizar o Firefox para este site
voltar ao topo